Tecnologia Militar Para O Nosso Cotidiano

Sabemos que as guerras causaram e causam muito sofrimento. Mas não podemos deixar de falar que muitas das tecnologias que temos hoje são decorrentes dos militares. É que as guerras fomentaram muito a indústria tecnológica e muito dos produtos que você usa no seu dia a dia hoje foi decorrente da guerra, mas que não perceba.

A história do digital sempre esteve entrelaçada com a inovação no campo militar. O próprio nascimento da internet é atribuível a uma tecnologia desenvolvida para fins de guerra. Desde o início de sua história, o homem busca as melhores ferramentas tecnológicas para prevalecer sobre seus pares, impondo supremacia econômica e cultural à tecnologia militar. A inovação em áreas como metalurgia, artilharia ou pólvora levou à vitória nas guerras que marcaram nossa evolução social.

Ao longo da história, as novas tecnologias frequentemente tiveram um forte impacto nas táticas e estratégias militares.

Hoje,  as tecnologias militares emergentes mostram mudanças significativas nas estratégias de guerra futuras e nas leis sobre guerra, estabelecidas há muito tempo (e frequentemente violadas). Além da tecnologia, a ascensão e disseminação do terrorismo em escala global também está mudando as técnicas, estratégias e leis da guerra.
Uma lista incompleta inclui:

  • veículos aéreos guiados remotamente, ou seja, sem direção humana (drones), já utilizados também em ações de combate ao terrorismo;
  • robôs autônomos letais, planejados (robôs para uso civil estão disponíveis há muito tempo; pense nos que estão ativos no solo da lua e de Marte);
  • armas cibernéticas, como o extraordinário Stuxnet;
  • armas – “boost glide”;
  • os insetos ciborgues;
  • o potencial da engenharia genética para a produção de armas biológicas com propriedades seletivas;
  • tecnologias espaciais para ações anti-satélite;
  • microcomputadores e rede de computadores para “campos de batalha inteligentes”.

O que surgiu na guerra?

Houve sim invenções desenvolvidas durante esses períodos tensos e repletos de explosões.

1. Forno de micro-ondas:

Os eletrodomésticos estão tão presentes em nossa vida que sequer imaginamos como era antes deles existir. É bom lembrar que antes de ser inventado existia vida sem micro-ondas. E como era feito todo processo de esquentar algo ou descongelar?

Tecnologia Militar

Dependendo da comida, por exemplo, a carne, algumas horas seriam necessárias para descongelar. E precisamos realmente agradecer a sua invenção. E por incrível que pareça, o forno microondas foi criado durante a Segunda Guerra Mundial.  Invento do engenheiro norte-americano Percy Lebaron Spencer chegou às prateleiras dez anos depois de ser patenteado

2. GPS

Imaginar a vida hoje sem GPS parece impossível não? Como viajar sem colocar no GPS  a rua? Viajar fica muito mais fácil com ajuda do GPS, além do que ele também nos mostra a lentidão das ruas e como está a circulação de automóveis. Um recurso utilizado por muitas vezes.

Tecnologia Militar

Mas você sabia que ele foi uma invenção criada para fins militares? Durante a Segunda Guerra Mundial os alemães utilizaram foguetes de longo alcance chamados de V2 para bombardear seus alvos. Estima-se que o desenvolvimento dessa ferramenta tenha custado mais de 10 bilhões de dólares.

3.Controle de tráfego aéreo

Até existia antes, porém os progressos foram feitos durante ela, pois era uma ferramenta de extrema importância para as comunicações militares da aviação.

“ Em 1916, os técnicos poderiam enviar um sinal de rádio a uma distância de 225 quilômetros e mensagens telegráficas de rádio podiam ser trocadas entre aviões em voo.”.

Tecnologia Militar

Desde então a tecnologia foi aprimorando para se ter o que se tem hoje. Não é mesmo incrível? Outra invenções que surgiram através dos militares foram as seguintes: Absorventes higiênicos, Lâmpadas ultravioleta,  Raios-X portátil,  Drones, Fertilizantes industriais.

Essa foi apenas uma invenção. Vamos falar agora de outra invenção que inclusive tem assustado muitas pessoas. A tecnologia militar que assusta.

Você sabia que existem uma tecnologia militar de cérebro humano como arma? Há quem afirme que no futuro,  o treinamento de futuros pilotos pode incluir a cirurgia cerebral como parte do currículo.